Grêmio é primeiro clube a aderir a campanha contra o crack

Terra
Grêmio é primeiro clube a aderir a campanha contra o crack

O Grêmio oficializou na tarde desta quinta-feira a parceria com a Associação Brasileira de Psiquiatria na campanha “Craque que é craque não usa crack”, na luta contra as drogas. A assinatura dos termos de compromisso aconteceu na tarde desta quinta-feira, no Salão Nobre do Olímpico, pelo presidente Fábio Koff e pelo presidente da associação, Antônio Geraldo da Silva. A parceria é uma iniciativa inédita da entidade com clubes de futebol.

A solenidade aconteceu na presença de todo o elenco do time sub-20, do centroavante Barcos e de dirigentes do clube. Foi o Pirata e destaque dos juniores, o atacante Luan, autor do gol do empate com o Brasil, de Pelotas, nesta quarta-feira. Ambos vestiram uma camiseta com os dizeres da campanha.

– Grêmio não fica indiferente a um projeto com este engajamento e desta natureza. Os meninos aqui presentes talvez não tenham a dimensão da imagem que eles transmitem. Nós representamos oito milhões de apaixonados e temos orgulho e nos sentimos gratificados por sermos o primeiro clube integrado nesse projeto – destacou o presidente Fábio Koff.

A ideia da ABP é formar conselheiros que tenham influência dentro das comunidades carentes de Porto Alegre, para que eles passem os malefícios que a droga pode causar. O Tricolor entra com o uso de imagem dos atletas para ajudar a causa da campanha.

– O Barcos utilizando essa camiseta atinge muitas pessoas. As crianças olham o ídolo e falam: “ele diz para não usar drogas”. Isso acontece. É muito importante para o Grêmio se integrar nessa campanha. É muita satisfação em ser o primeiro clube a aderir – destacou Silva.

Entre as ações programadas pela parceira está a visita a escolas públicas por parte de jogadores profissionais, atletas da base, dirigentes e médicos do Grêmio para falarem a respeito de como o esporte pode ser uma forma de manter os jovens afastados da droga. Complementarmente, a Arena deverá receber faixas alusivas à campanha, que terá divulgação nas mídias oficiais do clube.
Fonte:ABEAD(Associação Brasileira de Estudos do Álcool e outras Drogas)