Como parar de beber?

Confira algumas dicas para diminuir ou interromper o consumo de álcool.

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), em todo mundo, 3 milhões de mortes por ano resultam do uso nocivo do álcool. Mas as consequências não param por aí – ele contribui para 5,1% da carga mundial de doenças e lesões. Além disso, transtornos mentais e comportamentais, perdas sociais e econômicas também são alguns dos problemas decorrentes do consumo nocivo dessa substância.

 

Mas por que, mesmo diante de tantas consequências ruins, as pessoas continuam a beber?

Os motivos são os mais variados possíveis e, em geral, estão relacionados aos efeitos do álcool e ao contexto de socialização. Enquanto algumas pessoas bebem para relaxar ou celebrar, outras o fazem na expectativa equivocada de que isso ajudará a dormir melhor, por exemplo.

Identificar quando o consumo de álcool passou a prejudicar a saúde não é tão fácil. Essa progressão é sutil e decorre não somente da quantidade consumida, mas também da frequência, das circunstâncias desse consumo e das consequências à saúde do indivíduo.

 

A mudança começa ao reconhecer o problema

Se você ou um familiar tem sofrido com os problemas decorrentes do alcoolismo e deseja saber como parar de beber, lembre-se que a mudança só começará a partir do momento que se reconhece que a substância está causando problemas a você e a quem está ao seu redor.

Há diversas estratégias para apoiá-lo em sua decisão de parar de beber:

  • Faça uma retrospectiva e tente identificar quantos problemas o uso abusivo do álcool trouxe a você nos últimos três meses. Considere consequências para sua saúde física, como ressaca, e até mesmo em seu relacionamento social, como discussões com familiares e parceiros.
  • Busque apoio de alguém em quem possa confiar, como um amigo, parente ou colega de trabalho para conversar e desabafar sobre suas angústias ou preocupações.
  • Reflita sobre as consequências de continuar a beber e os benefícios de parar ou reduzir o consumo de bebida alcoólica.
  • Questione-se. Numa escala de 0 a 10, quanto você está preocupado com o seu uso do álcool?
  • Faça um mapeamento do seu consumo diário nas últimas semanas: registre o horário, local, com quem você estava, quanto bebeu, o que bebeu, quanto gastou com bebida, motivos que o fazem beber. Ao final, você poderá identificar o que o leva a beber e aos excessos.

Lembre-se de que não há quantidade de consumo absolutamente segura para a saúde. Se você ultrapassa o chamado “consumo moderado” (2 doses  por dia para homens, 1 dose por dia para mulheres), recomendamos redobrar os cuidados.

Vale ressaltar: há determinadas situações em que o uso é inaceitável (menores de 18 anos, gestantes, motoristas, quem faz uso de medicamento que interage com a substância ou tem alguma condição de saúde que pode ser agravada pelo álcool).

Agora, se você já mapeou seu consumo e identificou que está bebendo muito ou mais do que gostaria, há formas de reduzir ou parar de beber:

  • Se você decidiu parar de beber, não adie. Defina uma data e comece!
  • Compartilhe sua intenção de parar. Isso poderá fazer com que seus familiares e amigos se mobilizem para apoiá-lo.
  • Afaste-se do que possa lembrá-lo do uso da substância ou desencadear uma vontade de beber, como bares, lojas de bebidas ou o setor de bebidas de um mercado.
  • Não se esqueça de que ter hábitos saudáveis também irá ajudá-lo nesse processo: alimente-se e durma bem, pratique atividade física, beba água, tenha um hobby e procure fazer atividades sociais com pessoas que não consumam bebida alcoólica.

O grau de dificuldade para colocar isso em prática depende de vários fatores – desde o quanto você bebe até se já tem algum problema de saúde decorrente desse consumo. O apoio de um especialista ou médico pode tornar o processo mais fácil e eficaz.

Sabemos que reconhecer o problema e mudar hábitos pode parecer assustador e difícil, mas saiba que não é impossível.

Fonte:CISA – Centro de Informações Sobre Saúde e Álcool

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

19 + sete =