Você Sabia ?

«    30 of 31    »

Dependência de crack é maior entre as mulheres

Taxa de uso de crack e cocaína, entre as mulheres o índice de dependência foi de 54%

17% dos tabagistas dorme menos de seis horas por noite contra 7% dos não-fumantes

O número de brasileiros que admite já ter cheirado está pelos 6 milhões

2,8 milhões de pessoas no Brasil usaram cocaína de forma inalada ou fumada – via consumo de crack ou de oxi – nos últimos 12 meses

60% das prisões femininas são causadas por entorpecentes

Entorpecentes são responsáveis por 21% das prisões masculinas

Quase 1 milhão de pessoas na Grã-Bretanha sofrem intensas dores de cabeça completamente evitáveis , causadas pela ingestão de analgésicos em excesso

1 copo de vinho por dia pode desencadear o câncer de mama e outros tumores,estima-se que em um ano o consumo de álcool causou 5.000 mortes pela doença

Os homens são maioria entre os usuários de cocaína e crack no país, mas as mulheres tomam a frente quando o assunto é vício

230 milhões de pessoas no mundo usaram algum tipo de droga em 2010

A vontade quase incontrolável de comer chocolate está ligada à produção de uma substância química no cérebro semelhante ao ópio

O fumo passivo prejudica a memória em longo prazo

Traficantes estão misturando à cocaína e ao crack o mesmo anestésico que causou a morte do popstar Michael Jackson

Praticar exercícios físicos regularmente, comer bem e evitar cigarro e bebida alcoólica podem diminuir o risco de câncer

Usuários de maconha sofrem abstinência semelhante à de ex-fumantes

A chave do vício pode estar na genética (risco é de 30%), na mente (30%), no meio social (30%) e até na falta de religiosidade (10%)

O uso precoce de maconha, especialmente durante a adolescência, é um fator de risco de quadros psicóticos

2 milhões de brasileiros já usou cocaína fumada(crack,merla e/ou oxi) pelo menos uma vez na vida e 1 milhão de pessoas fumou crack no último ano

O usuário de maconha ao deixar a droga poderá sentir irritabilidade, perda de apetite e variações de humor

Pesquisa do DataSenado: brasileiro rejeita liberação das drogas

Álcool capaz de matar é achado em 37% das bebidas em São Paulo

Mulheres que param de fumar antes de completarem 30 anos reduzem em até 97% risco de morte prematura

Consumo de drogas nas escolas públicas aumenta 12%

O número de mortes devido ao cigarro que foram evitadas entre 1989 e 2010: cerca de 420 mil

O consumo ´social` de cocaína, ou seja, ao menos uma vez ao mês, já é o suficiente para aumentar o risco de um ataque cardíaco

A maconha vendida em São Paulo está mais potente, média de 5,7% no nível de THC

A maconha vendida em SP é quase toda Paraguaia. A droga aparece misturada a folhas, caules e outras plantas, além de restos de insetos ou formigas

95% das crianças e adolescentes encaminhadas ao Conselho Tutelar têm problemas com entorpecentes

Pesquisa mostra que os alertas sobre os malefícios do cigarro têm maior impacto se forem acompanhados por fotos

20% das bebidas alcoólicas consumidas no Brasil são vendidas de forma ilegal

O cigarro ´apodrece` o cérebro ao danificar a memória, o aprendizado e o raciocínio lógico, segundo um estudo

Dependentes de cocaína, mesmo que só utilizem a droga uma vez ao mês, correm um risco muito maior de sofrer uma parada cardíaca

No Brasil 7% da população adulta já experimentou maconha na vida, representando 8 milhões de pessoas

Aposentadoria e solidão fazem idosos se socorrer no álcool

Fumar não só afeta artérias e pulmões como deteriora o cérebro

Drogas tingidas de cor de rosa e misturadas com fermentos e remédios são alguns artifícios que os traficantes estão usando para evitar a fiscalização

«    30 of 31    »